10 dicas de segurança para mulheres viajantes

urbanoideEu tenho viajado pelo mundo pelos últimos seis anos, algumas vezes sozinha, algumas vezes com amigos, outras com namorado. Até hoje foram seis anos colecionando momentos lindos, algumas burradas e tudo mais que vem junto.

Com muita sorte, eu aprendi mais sobre mim mesma e sobre como me manter em segurança viajando pelo mundo, até muito mais do que eu imaginava.

E aqui compartilho com você minhas 10 melhores dicas para se manter a salvo sendo mulher e viajando sozinha.

1. Se vista como um local

Na minha opinião essa questão deveria ser altamente discutível e, teoricamente, as mulheres devem ser capazes de vestir como bem entenderem e indiferente de onde vá, mas infelizmente esta não é a realidade.

Uma das melhores lições que aprendi viajando ao longo dos anos é como misturar-se, e isso significa se vestir como um local quando necessário.

Se isso significar cobrir os cabelos, cubra-os. Ou usar mangas compridas ou roupas soltas, etc. Por isso é tão importante fazer uma pesquisa básica antes de viajar, para conferir quais são os costumes locais.

Além disso, é sempre bom não chamar atenção para si viajando, principalmente se você quiser continuar sossegada ou até sozinha.

2. Não fique perdida

Ficar incrivelmente bêbada enquanto viaja sozinha nunca é uma boa idéia. Você se abre para todos os tipos de problemas e fica vulnerável demais. Manere na dose. ;)

3. Não conte para as pessoas onde você está se hospedando

Não se engane com o óbvio. Se você é mulher e está viajando sozinha é normal conhecer pessoas ao longo do caminho, porém nunca mencione onde você está se hospedando, especialmente se você se sentir desconfortável.

Ninguém realmente precisa saber o nome do seu hotel, e se você fez planos para se encontrar com alguém, no máximo diga por alto a direção ou região que está ficando.

Na maioria das vezes nada vai acontecer, porém acredito que um pouco de precaução nunca é demais.

Free Walking Tour em Barcelona
Free Walking Tour em Barcelona

4. Se você se sentir desconfortável sozinha, se junte a um tour pela cidade

Chegar sozinha em um local não significa permanecer sozinha o tempo todo. Não está afim de fazer passeios sozinha? Peça informações no seu hotel sobre tours pela região ou até mesmo na internet é fácil encontrar opções. Eu recomendo os walking tours, ou passeios à pé. Fiz alguns em diferentes cidades na Europa e são super divertidos. São normalmente de graça e no final do passeio, caso tenha gostado do seu guia, você é livre para dar uma gorjeta no valor que quiser. Os pontos de encontros são marcados pela internet com diversos horários. No mínimo você vai dar boas risadas, pois os guias são voluntários e costumam ser bem descolados. Aproveite a oportunidade para fazer amizade e pegar novas dicas sobre a cidade.

5. Evite ser “pra frente” quando necessário

É muito importante lembrar que em muitas culturas ao redor do mundo, as mulheres que são muito extrovertidas podem ser vistas como sendo vulgares. Infelizmente o mundo é muito mais machista do que a gente pensa.

Entenda como qualquer coisa excessiva em relação a contato visual com os homens andando pelas ruas, ou tagarelar demais com pessoas desconhecidas ou até se vestir com roupas demasiadamente apertadas e sexys.

Ser amigável e gostar de falar não é um problema, basta ter cautela com os exageros para não ser mal interpretada e ouvir coisas indesejáveis sem estar interessada.

6. Aprenda a ler situações

É muito importante como uma viajante mulher sozinha, aprender a interpretar situações e caso perceba algo estranho ou que te deixe nervosa, dê um jeito de sair fora.

Não se preocupe nessa hora se vai ofender alguém ou parecer mal educada, se preservar e manter-se segura é muito mais importante.

7. Reserve algumas coisas com antecedência

Não tem nada pior do que durante uma viagem, chegar em uma nova cidade à noite e não ter nada reservado.

Eu sou daquelas viajantes que prefere deixar a viagem mais livre, mas eu sou cuidadosa sobre reservar o básico para quando eu sair do avião, ter pelo menos algum lugar para passar a noite e evitar ter que ficar no primeiro local que ver pela frente por estar exausta e não querer andar mais procurando outra opção.

8. Não manuseie dinheiro na frente de ninguém

Indiferente de viajar sozinha ou acompanhada, dinheiro e coisas de valores não devem ficar à mostra. No hotel, antes de sair do quarto, faça uma estimativa de quanto deve gastar naquele dia e deixe em um lugar de fácil acesso. O restante guarde em local seguro. Evite notas grandes e manuseá-las perto de outras pessoas. Isso pode acabar atraindo pessoas com más intenções.

Julia Roberts no filme "Comer, Rezar e Amar", do diretor Ryan Murphy.
Julia Roberts no filme “Comer, Rezar e Amar”, do diretor Ryan Murphy.

9. Leve uma mala que você consiga carregar sozinha

Malas gigantes? Esquece! Viajando sozinha você precisa ser prática, de preferência leve um mochilão para não ter problemas em arrastar a mala por distâncias grandes que você provavelmente vai percorrer, mesmo que seja da estação do metrô ao hotel. Com um mochilão, toda a viagem fica mais simples e você descobre que consegue viver com muito menos do que imaginava.

10. Confie nos seus instintos

Com o passar do tempo você vai desenvolver bons instintos, que vai te ajudar bastante como uma viajante sozinha.

Eu sou uma grande defensora da construção da experiência de vida na estrada.

É sua primeira experiência viajando sozinha? Escolha um lugar que seja considerado um destino fácil, onde você possa se virar tranquilamente com o idioma, onde a população não seja tão grande ou que tenha um clima bem turístico-amigável.

Obviamente as pessoas têm diferentes instintos e maneiras diferentes de aprender, de modo que, o que funciona para mim pode ser totalmente diferente do que funciona para você, mas no final das contas, o meu melhor conselho é aprender a confiar nos seus instintos!

E voilá!

Boa viagem e juízo, ein! ;)

4 comentários sobre “10 dicas de segurança para mulheres viajantes

  1. Ju,
    Que post interessante! Concordei com todos os tópico. Olha, eu não tinha parado para pensar nisso, mas acho que você foi precisa. Também gostei quando você questiona alguns itens como algo que devemos fazer, mas mostrando que isso acontece por questões culturais – como machismo etc.
    abs
    Rapha

    1. Que legal Rapha!!! Obrigada pelo recadinho. Aos poucos vou pensando em maneiras de nos defendermos e ao mesmo tempo termos liberdade de ir e vir pra onde quisermos. Bjs flor!

  2. Realmente, vc sabe das coidas!!! Uma amiga e eu vamos fazer uma viagem de mala pequena e hostel para Portugal até Galícia na Espanha e pretendo seguir duas orientações!! Como saber se hostel e’ seguro?

    1. Ei Rose! De forma geral, Hostels na Europa são seguros. É claro que você precisa tomar o mínimo de cuidado, como não deixar mala aberta, coisas de valor à vista, etc. Quanto à segurança pessoal, não vejo maiores riscos. Vocês podem escolher um quarto privado no hostel, ao invés de compartilhar o quarto com outros viajantes. É muito mais tranquilo do que você imagina. Normalmente nos sites de reserva de hotel tem a opinião das pessoas e uma classificação. Isso costuma ajudar também à você ter uma melhor referência do lugar. Vai sem medo e se divirta muito! Abs.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *