Um dia perfeito em Bangkok

Grand Palace logo cedo
Grand Palace logo cedo

Um dia perfeito em Bangkok… Como passar um único dia em uma cidade tão grande e tão cheia de coisas iradas pra fazer? É pouco tempo, mas dá pra curtir bastante se você souber aproveitar. E aqui vão as minhas melhores dicas dessa megalópole insana e apaixonante.

Pule da cama logo cedo, se é que você dormiu em Bangkok, e corra para o Grand Palace por alguns bons motivos. O Grand Palace é um complexo com vários templos maravilhosos, com uma arquitetura incrível e hipnotizante. Descrevê-lo aqui nunca chegaria aos pés da realidade, então nem vou tentar. Eu diria que é o lugar mais imperdível da cidade, e acredite, todos pensam assim e por isso, pra se poupar de enfrentar fila, comece o dia por aqui. Abre de 8:30h às 15:30h, horário local.

Uma dica: nos templos não é permitido entrar com roupas que mostrem as pernas e os ombros, e caso você não esteja vestido apropriadamente, pode alugar um sarongue (saia tailandesa) e uma camiseta na porta antes de entrar.

Grand Palace
Grand Palace
Grand Palace
Grand Palace

No Grand Palace você vai ficar pelo menos umas 2 horas andando se você for esperto. Saindo daqui, dê uma esticadinha até o Templo do Buda deitado, o Wat Pho. Você já vai ter visto muitos templos no Grand Palace, mas nenhum substitui um buda gigante de 43m de comprimento e 15m de altura, deitado, todo revestido em ouro.

Wat Pho, templo do Buda deitado
Wat Pho, templo do Buda deitado
Wat Pho
Wat Pho

Perdeu o fôlego com o Buda de ouro? Pegue um tuk tuk e peça pra te deixar em Chinatown. Tudo bem, Chinatown parece ter em toda grande cidade e ser sempre igual. Aí é que você se engana. Esse bairro é único e com características típicas da imigração chinesa em Bangkok. Aproveite e almoce por aqui. Tem cada restaurante… Hummm… um melhor do que o outro.

Um dia em Bangkok
De tuk tuk pela cidade
Chinatown
Chinatown

E por falar em comida… Um prato que você precisa pedir é o pad thai, clássico da cozinha tailandesa feito com macarrão de arroz cozido, camarões, tofu, amendoim picado, broto de feijão, alho, chili, condimento à base de peixe fermentado e ovos, tudo frito junto. Delicioso!

Comida tailandesa
Pad thai

Caso a sua estada em Bangkok coincida com o final de semana, você foi premiado! Almoce e dê uma passada no maior mercado de rua da cidade, Chatuchak. Ele funciona durante a semana, porém incompleto. Nos finais de semana fica aberto de 6 às 18hs. Esse mercado é enorme e você certamente não vai dar conta de conhece-lo por inteiro. Faça suas comprinhas básicas que aqui é especialmente bom pra comprar besteiras e lembrancinhas pros familiares. Satisfeito, parta pra Khao San Road.

Khao San Road
Khao San Road
Khao San Road
Khao San Road

Você vai encontrar todos os mochileiros da cidade concentrados nessa rua, sem exagero. E se você procura um albergue barato, pode ser que se hospede pelas imediações. Os quartos costumam ser pequenos e normalmente não oferecem café da manhã, porém ainda sim fazem sucesso com quem quer economizar. Pesquise bem antes de se decidir. Na Khao San Road muitos restaurantes fazem a felicidade dos turistas, casas de massagens, lojinhas, barracas de rua vendendo comidas típicas, enfim, eu poderia dizer que o paraíso dos estrangeiros é aqui.

Massagem nos pés com peixes
Massagem nos pés com peixes
Escorpiões no espetinho na Khao San Road
Escorpiões no espetinho na Khao San Road

Você não tem ideia de como vai se deslocar pela cidade? Sempre que puder, use o metrô. É barato e de altíssimo nível, inclusive parte do aeroporto direto para o Centro de Bangkok. Estando no centro, vários pontos não são alcançados pelo metro, e nesse caso use o tuk tuk sem remorso. Chore o preço sempre, pois eles sabem que turista paga bem e colocam o preço nas alturas. A única recomendação é tomar cuidado com as lojas que o tuk tuk pode querer te levar antes do seu destino final. Eles costumam dar alguma desculpa, desviam o caminho e param em lojas pro turista comprar e eles ganharem comissão. Nada preocupante, apenas peça pra te levar direto ao lugar do seu interesse.

Metro de Bangkok
Metro de Bangkok

Tá perdido e não sabe onde se hospedar? Se você é um mochileiro das galáxias, provavelmente vai querer ficar lá na Khao San Road, junto com os parças, porém não é um dos melhores lugares. Particularmente gostei muito de ficar no Hostel Cheqinn, que fica na Nana Tai Alley em Sukhumvit. Esse bairro é famoso pela vida noturna adulta (é aqui que você vai encontrar meninas dançando de shortinho e top, que podem inclusive dar um show típico do filme “Se beber não case”). Além das condições ótimas do hostel, ele fica colado numa estação de metrô, a Nana Station, que me permitiu sair do aeroporto sem a menor preocupação e gastar pouquíssimo no deslocamento. Como o aeroporto é longe, o taxi pode ficar bem caro.

Nana Plaza, Sukhumvit
Nana Plaza, Sukhumvit

Bangkok é uma cidade democrática, tem de tudo e pra todos os gostos. Quem prefere a vida diurna, um milhão de programas iradíssimos, inclusive simplesmente perambular sem rumo. Praqueles que são da noite, a Khao San Road fervilha de vida e de gente. Já os mais ousados, podem curtir a Nana Plaza, com bares de fetiches e boates temáticas.

Um dia em Bangkok certamente será pouco tempo e você vai embora querendo voltar. Só me resta torcer pra que com essa programação, seu dia seja perfeito. Desejo muito que você consiga sentir a essência dessa cidade que transborda cultura, espiritualidade e lazer.

Namastê

2 comentários sobre “Um dia perfeito em Bangkok

  1. Post perfeito, Juliana. Já estou super ansiosa para conhecer Bangkok e todos esses lugares. Com certeza vou me lembrar de vc e de suas dicas maravilhosas. Obrigada por me encorajar e motivar. Grande parte dessa viagem se deve a você e com certeza vou me lembrar sempre disso. Muito obrigada por tudo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *